terça-feira, outubro 14, 2008

PERDIDOS

Para onde vamos quando não nos conhecemos?
E para onde queremos correr quando finalmente nos encontramos?
Perdidos, eternamente perdidos andamos,
Perdidos porque nos esquecemos onde estamos.
Esquecemos isto e aquilo,
Aquele e o outro,
O importante e o insignificante,
Esquecemos que a vida se vive no momento,
Neste momento, não no próximo.
Andamos perdidos
Com a cabeça no futuro,
Perdidos do presente, mas é no presente que estamos!
Caminhamos, corremos e assim nos cansamos.
E é tão fácil encontrarmo-nos aqui.
Porque nos procuramos num outro lugar se é aqui que estamos?
Perdidos andamos,
Sem saber para onde caminhar.
Não sei para onde vão,
Mas eu, é aqui que quero ficar!
E perco-me instantaneamente na ânsia do futuro.
Encontrando-me novamente perdida...

A.S

O futuro só vale a pena ser vivido quando lá chegamos. Na tentativa de imaginar o futuro, acabamos por viver uma ilusão. Imagino que seja esta a principal diferença entre nós e os animais,
eles não pensam no futuro, nós pensamos demais...

1 comentário:

Chinoca disse...

(In)felizmente é uma constante, esse sentimento de estarmos perdidos, de não sabermos para onde vamos, de indefinição do futuro.
Mas se soubessemos para onde vamos, e como seria ao lá chegar, para quê andar? ;)

Beijo